Cruel amor

Publié le par Boca de Praga

EM UM DIA FRIO DE INVERNO, ELE A VIU, A CONHEÇEU E PARA SEU PROPRIO ESPANTO SE SURPREENDEU. ERA SEM DUVIDA A CRIATURA MAIS BELA E ENCANTADORA QUE ELE JA VIRA, TÃO CATIVANTE QUE QUANDO FALARA COM ELE, E ERAM RARAS AS VEZES PORÉM PRECIOSAS PARA ELE.
ELA O DEIXAVA EM UM PROFUNDO EXTASE; ELE FICAVA VIDRADO, NEM OLHANDO A ESTAVA MAIS SIM A COMTEMPLANDO A CADA DETALHE DAQUELE MOMENTO QUE NÃO IRIA SER DURADOURO; MAL CONSEGUIA FALAR COM ELA QUASE QUE GAGUEJANDO A RESPONDIA INCONSCIENTE POIS PENSAVA ELE NÃO SER OCORRENTE.
CADA PEQUENO MOMENTO QUE ELA SORRIA E O AGRADECIA PELO FEITO POR TELA AJUDADO; ELE QUASE QUE VIERA A MORRER; O CORAÇÃO BATIA FORTE, RAPIDO QUASE QUE INFARTANDO. O PULMÃO JÁ NÃO CONSEGUIA MAIS EXPIRAR AR SUFICIENTE QUASE QUE O MATANDO. ERA O DOCE MAIS DOLOROSO QUE ELE JÁ PROVARA UM MOMENTO MAGICO, FELIZ, PORÉM TRISTE, AMARGOSO, E CRUEL, E POR QUE ???
PORQUE ELE JAMAIS PODERIA TE LA, ERAM MUITOS OS IMPECILHOS, ERAM MUITOS SEUS PROBLEMAS, ELE SOFRIA MUITO COM ESTA SITUAÇÃO. ERA A VIDA, O DESTINO, OU TALVEZ O CUPIDO PREGANDO LHE UMA PEÇA, PARA ZOMBAR DE SEU ESTADO LASTIMAVEL, DE DESESPERO, DE DOR, DE ANGUSTIA, POR UM AMOR NÃO CORRESPONDIDO.
HÁ, POBRE GAROTO ELE NUNCA DISSE A ELA O QUANTO ELE A AMAVA; NA VERDADE A ADORAVA E ERA COMPLETAMENTE E INCOSNCIENTEMENTE APAIXONADO POR ELA; E NEM DEVERA ELE FAZER O TAL, POIS ELA TINHA ALGUEM E ELE ERA ETICO E RESPEITAVA ISTO. FATO INTRIGANTE; ELA PARECIA GOSTAR DELE, MAIS AINDA ASSIM TINHA ALGUEM, E ELE NÃO FARIA NADA ENQUANTO ASSIM O FOSSE. SÓ ESPERO QUE NÃO SEJA TARDE PARA QUE ELA DESCUBRA POR SI SÓ, DO SEU AMADO O AMOR.

Commenter cet article